Bafão no Oscar, ministro ‘mula’, goleiro Bruno solto; veja o que aconteceu enquanto você pulava carnaval

Publicado por
1 março 2017 10h44

O que aconteceu durante o carnaval: polêmica no Oscar, goleiro Bruno, sertanejo acusado e ministro ‘mula’ (Foto: G1)

G1 resume as principais notícias dos últimos dias para você voltar da folia bem informado.

Enquanto o carnaval levava uma multidão de pessoas para os blocos de rua e para os desfiles das escolas de samba muita coisa aconteceu: um erro histórico aconteceu no Oscar, um ex-assessor do presidente Michel Temer afirmou ter sido “mula” do ministro Eliseu Padilha, que foi operado, e o goleiro Bruno foi solto após quase 7 anos na prisão.

Veja abaixo o que aconteceu durante o carnaval no Brasil e no mundo:

Erro histórico no Oscar

Uma confusão com envelopes fez os apresentadores Faye Dunaway e Warren Beatty anunciarem um prêmio errado no Oscar 2017. E não qualquer prêmio. Foi o mais importante, o de melhor filme. A equipe de “La La Land” chegou a comemorar a vitória e começava a discursar quando descobriu que não era a vencedora. A estatueta foi entregue então para “Moonlight”. A empresa responsável pelos envelopes se desculpou. A confusou gerou memes e piadas; confira.

Casey Affleck, de “Manchester à Beira Mar”, foi escolhido o melhor ator e Emma Stone, de “La La Land”, foi eleita a melhor atriz. O musical foi o mais premiado da noite, com seis estatuetas. Veja a cobertura completa do Oscar 2017.

Ministro “mula”

O advogado José Yunes, ex-assessor de Temer, afirmou ter sido “mula” involuntária do ministro da Casa Civil, Eliseu Padilha. Um ex-executivo da Odebrecht havia dito à Operação Lava Jato que o escritório de Yunes foi usado para repasse de dinheiro ao PMDB via Padilha. O ex-assessor confirmou ter recebido um pacote, mas negou saber qual é o conteúdo. Padilha está afastado do governo para fazer uma cirurgia de próstata. A operação correu bem e ele deve voltar ao trabalho na semana que vem.

O ministro da Casa Civil, Eliseu Padilha (Foto: Antonio Cruz/Agência Brasil)

Sertanejo acusado de agressão

Na sexta-feira (24), a esposa do cantor Victor, da dupla sertaneja Victor & Léo, prestou queixa contra o marido em Belo Horizonte. Poliana Bagatini Chaves está grávida e disse ter sido agredida por ele. A sogra dela deu outra versão e afirmou que foi a nora quem agiu de forma agressiva.

No domingo (26), Poliana divulgou uma carta dizendo que Victor não a machucaria. No mesmo dia, o cantor falou pela 1ª vez sobre o caso. “Eu nunca agredi ninguém na minha vida”, disse ao Fantástico. A Polícia Civil de Minas Gerais abriu um inquérito para apurar o caso. Depois da denúncia, Victor pediu afastamento do programa “The Voice Kids”.

O cantor Victor, da dupla com Léo, que pediu afastamento do ‘The Voice Kids’ (Foto: Isabella Pinheiro/Gshow)

Eclipse solar

No domingo (26), um eclipse solar parcial pôde ser visto no Brasil – ou quase. O céu nublado na maior parte do país impediu a boa visibilidade do fenômeno, que ocorre quando a Terra, a Lua e o Sol se alinham. Veja fotos de quem conseguiu um registro.

Eclipse em Curitiba, às 10h40, deste domingo (26), eclipse parcial pôde ser observado. (Foto: Rodrigo Brito/ RPC Curitiba)

Soltura do goleiro Bruno

Após seis anos e meio, o goleiro Bruno Fernandes saiu da prisão, em Minas Gerais. Na sexta-feira (24), o ministro Marco Aurélio Mello decidiu que o jogador poderá recorrer em liberdade da condenação pela morte de Eliza Samudio.

Ao sair, Bruno disse que pagou pelo erro e quer recomeçar. “Se eu ficasse lá, tivesse prisão perpétua, por exemplo, no Brasil, não ia trazer a vítima de volta”, afirmou. Ele foi condenado a 22 anos e 3 meses de prisão em 2013. A família de Eliza criticou a libertação.

Socorrista encontra filho morto

Um motorista do Samu foi atender um acidente de trânsito em Ponta Grossa (PR), no domingo (26), e encontrou o filho morto. Kennedy Simões, de 21 anos, pilotava uma moto quando foi atingido por um carro. O motorista estava bêbado e com a habilitação suspensa. “Quando cheguei ao local, percebi que era meu filho de longe. Fiquei perdido, não sabia o que fazer“, contou Flávio Simões, pai da vítima.

Motorista do Samu encontra o filho morto ao atender uma ocorrência de trânsito (Foto: Cristiano Barbosa/aRede/Jornal da Manhã)

Racionamento no DF; Planalto escapa

A falta de chuva fez o rodízio de água chegar à região central do Distrito Federal pela 1ª vez na história. Na segunda-feira (27), o Plano Piloto de Brasília foi afetado, mas os ministérios, palácios, tribunais e outros órgãos públicos escaparam do racionamento.

Fim do protesto de PMs no ES

Após a reunião entre mulheres de policiais militares e o governo do Espírito Santo mediada pelo Ministério Público do Trabalho do estado, o movimento desocupou a entrada dos batalhões do estado no sábado (25). Quatro policiais suspeitos de iniciar o movimento nos quartéis tiveram a prisão decretada. Três já se apresentaram e um soldado está foragido.

Batalhão em Vila Velha foi desocupado (Foto: Ouvinte CBN)

Discurso de Trump

O presidente americano Donald Trump fez na noite de terça-feira (28) seu primeiro discurso em sessão conjunta aos legisladores do Senado e da Câmara de Representantes dos Estados Unidos. Trump defendeu pela primeira vez um sistema de imigração baseado em mérito, prometeu uma reforma fiscal e pediu união entre o Partido Democrata e o Republicano para avançar em legislações como a substituição do programa de saúde Obamacare.

Donald Trump faz seu primeiro discurso em sessão conjunta no Congresso dos EUA, à frente do vice-presidente e presidente do Senado Mike Pence e o presidente da Câmara Paul Ryan (Foto: REUTERS/Jim Bourg)

Brasileiro na OMC

O brasileiro Roberto Azevêdo foi eleito pelo Conselho-geral da Organização Mundial do Comércio (OMC), órgão máximo do comércio internacional, para seu segundo mandato como diretor-geral da instituição, cargo que ele exerce desde setembro de 2013. O segundo mandato, de quatro anos, terá início em 1º de setembro de 2017.

Roberto Azevêdo, diretor-geral da OMC, em imagem de arquivo. (Foto: Reuters)

COMENTÁRIOS

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.