Sobe para 318 número de mortos por terremoto no México

Publicado por
24 setembro 2017 19h33

Cerca de mil imóveis ainda são considerados inabitáveis após o terremoto que causou estragos na Cidade do México

 

O governo do México informou neste domingo que aumentou a 318 o número de mortos pelo terremoto de magnitude 7,1 que atingiu o centro do país no dia 19. Anteriormente, as autoridades confirmavam 307 vítimas.

O coordenador nacional da Defesa Civil, Luis Felipe Puente, informou em sua conta no Twitter que apenas na Cidade do México havia 180 mortos. Outras 73 pessoas morreram em Morelos, 45 em Puebla, 13 no Estado do México, seis em Guerrero e uma em Oaxaca As autoridades ainda realizam trabalhos de busca por sobreviventes em edifícios destruídos na capital.

Milhares de pessoas na Cidade do México ficaram literalmente na rua, após o sismo. O prefeito da capital, Miguel Ángel Mancera, informou que 7.649 imóveis foram avaliados e que se determinou que 87% deles são seguros e apenas precisam de reparos menores. Isso significa, porém, que cerca de mil locais foram qualificados como inabitáveis – o número pode ainda aumentar.

Mancera afirmou na noite de sábado em sua conta no Twitter que cerca de 17 mil pessoas foram atendidas em 48 albergues, embora não esteja claro quantos seguem neles. Muitas pessoas disseram que se mudaram para a casa de familiares ou amigos.

As autoridades também avaliam a segurança das escolas na capital para determinar se na segunda-feira as crianças podem voltar às aulas.

A Marinha mexicana informou que recuperou 105 corpos e resgatou com vida 115 pessoas depois do terremoto. Muitos dos sobreviventes seguem hospitalizados e com muitas sequelas, desde fraturas até danos cerebrais

COMENTÁRIOS

Deixe uma resposta

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.