Vacina contra febre amarela pode ser encontrada em AMEs de Petrolina, PE

Publicado por
22 janeiro 2017 01h18

Vacina pode ser tomada por quem vai viajar para área de risco da doença.
Médico Keiler Chaves diz que a vacina possui algumas restrições.

Do G1 Petrolina

 

Em Petrolina, no Sertão de Pernambuco, não houve nenhuma notificação de casos de febre amarela de acordo com a Secretaria Municipal de Saúde. Na rede pública existem doses suficientes da vacina que podem ser encontradas nas Unidades de Atendimendo Médico Especializado (Ames) Rosa Maria, no bairro Gercino Coelho e na Amália Granja localizada na Vila Mocó.

A diretora técnica de saúde de Petrolina, Ana Caroline Freire, explica que a vacina pode ser tomada por quem vai viajar para alguma cidade ou região que, de acordo com o Ministério da Saúde, faça parte da área de risco de febre amarela. “É importante que a gente vá até a unidade básica de saúde se for viajar para essas áreas endêmicas e não correr achando que vai adoecer e precisa tomar a vacina de urgência”, explica.

De acordo com médico, Keiler Chaves, o uso da vacina possui algumas restrições. “Nós temos pessoas que não devem tomar a vacina que são gestantes, mulheres que estão fazendo o aleitamento de crianças até seis meses de idade, pacientes imunodeprimidos. Além de idosos acima de 65 anos precisam de uma avaliação médica para serem imunizados. Não podem tomar pessoas que tenham alergia a ovo”.

O médico explica ainda como a vacina contra febre amarela deve ser tomada. “As criança de 6 meses a 9 meses de idade só é imunizada em epidemia ou áreas endêmicas de risco. A vacinação inicia a partir dos nove meses e são duas doses com o intervalo de 30 dias. O adulto que nunca tomou toma uma dose e é feito o reforço após 10 anos. E quem tomou a dose e está em dúvida, pode tomar a dose de reforço”.

COMENTÁRIOS

Deixe uma resposta

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.